De acordo com os últimos dados obtidos pela Associação Brasileira das Indústrias Ópticas (Abioptica), em 2016, a pirataria respondeu por 46% do faturamento do setor. Só entre 2010 e 2016, foram apreendidos mais de 80 milhões de produtos ilegais, além da destruição de mais de 15 milhões de óculos, evitando que retornassem ao mercado.


Apesar de custarem muito menos que óculos originais, quem opta por comprar produtos falsificados corre um grande risco e pode pagar um preço alto por isso. Os óculos piratas até são capazes de melhorar momentaneamente a visão, mas a longo prazo, eles prejudicam a a saúde ocular, além de mascarar problemas que poderiam ser diagnosticados precocemente.

Óculos de Grau

Óculos de Sol

Quem compra óculos de grau pirata não tem garantia nenhuma de que as informações que constam no produto correspondem à realidade. A longo prazo, isso pode prejudicar ainda mais o seu problema. Além disso, normalmente esta compra é feita sem uma visita ao oftalmologista e exames importantes que identificam doenças graves, como o glaucoma, por exemplo, deixam de ser feitos. As armações costumam ser feitas com material de baixa qualidade e o tempo de vida útil não é longo, exigindo a troca em pouco tempo. Um barato que sai caro.

Óculos de Sol

óculos de sol polaroid

Ao entramos em ambientes mais escuros, as pupilas se dilatam naturalmente por iniciativa do próprio organismo. A mesma lógica vale para quando usamos óculos de sol. Nossos olhos recebem mais quantidade de luz e por isso é importante que o produto tenha proteção UVA e UVB, encontradas somente em produtos originais e de qualidade certificada. Caso esta proteção não existe, o risco de degeneração da mácula, região mais sensível da retina, e chances de catarata crescem. Resumindo, é pior usar óculos piratas do que não usar óculos nenhum.


Quem produz ou comercializa produtos piratas comete um crime. Quem compra, coloca sua saúde em perigo e prejudica a economia como um todo. Procure sempre adquirir produtos com boa procedência.

Então, como comprar óculos de qualidade? 

 

A primeira coisa que você precisa fazer é procurar locais confiáveis. Compre somente em lojas com boa reputação ou que você já conhece.

loja

 

Dica de ouro: preste atenção nas etiquetas!  Recentemente o Procon e a Fundação Abióptica firmaram um acordo para padronizar as informações nas embalagens dos óculos, agora vai ficar mais fácil para o consumidor identificar a procedência e qualidade dos produtos. Além das informações básicas, contidas nas etiquetas, o consumidor deve obter mais especificações durante toda a jornada de compra como o tipo de material, se conta com proteção UVA e UVB, país de fabricação e CNPJ do revendodor local (Geralmente consta na nota fiscal); 

óculos de sol

 

Você não precisa gastar uma fortuna para ter um par de óculos de qualidade. Hoje, com a modernização da fabricação da armações e lentes e o avanço das tecnologias óticas, é possível adquirir modelos com qualidade razoável e com os filtros essenciais pagando um preço justo.

 

interrogação 

Pergunte: Não tenha vergonha de perguntar, tire todas as dúvidas que você tiver. O profissional é capacitado e está ali para atende-lo da melhor forma. Fique a vontade para experimentar a armação. 

Gostou das dicas? Deixe um comentário abaixo e compartilhe com seus amigos!